segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Pedro Renato se despede da SMS com um legado pautado pelas TRANSFORMAÇÕES

Mais do que nunca, ele demonstrou que nada deve parecer impossível de mudar



Quando Roberto Tatu o nomeou para assumir a espinhosa secretaria municipal de saúde, muitos preconceituosos indagavam “o que esperar de um ex-jogador de futebol” para gerir o sistema de saúde pública, sem que esses preconceituosos levassem em consideração que depois de ser jogador de futebol ele se formou em direito, e exerceu importantes cargos públicos no governo de Itaperuna entre 2013 e 2016.

Mais do que um gestor de notória capacidade administrativa, Pedro Renato se mostrou um craque na gestão de pessoas, a forma como se relacionou com seus comandados fez com que significantes transformações se concretizassem ao longo de seus pouco mais de onze meses frente a secretaria de saúde.

Sob seu comando e com respaldo do chefe do executivo, o Hospital São Vicente de Paulo teve um incremento de repasses da prefeitura que permite sua direção planejar a plena recuperação em médio prazo, passando de pouco mais de R4 500 mil/mensais para mais de OITOCENTOS MIL, sem contar que muitos repasses são efetuados de maneira antecipada, tanto que hoje o hospital deve serviços a secretaria de saúde, antes era a SMS-PMBJI quem vivia devendo repasses pretéritos ao nosocômio.

O sistema de atenção básica também teve sua revolução, quando iniciou 2017 havia somente um profissional do programa Mais Médicos, e somente por conta da organização gerencial estabelecida por Pedro Renato na secretaria de saúde, hoje o sistema já conta com TRÊS profissionais do programa do governo federal, sem contar o aumento de oferta em todos os serviços da rede.

Depois de intensas mudanças no atendimento do sistema de saúde, o dr. Pedro Renato se despediu da secretaria de saúde implantando mais um programa, o Bom Jesus Sorridente, que consiste em fornecer próteses dentárias no sistema de odontologia da SMS, algo inédito assim como a ampliação dos atendimentos do mesmo setor, que antes se limitava a extração e tratamento de cárie, hoje temos odontologia pediátrica, tratamento de canal e cirurgia de alta complexidade dentre tantas novidades.



Não tenho dúvidas que o dr. Pedro Renato deixou uma secretaria de saúde para seu sucessor em condições muito mais favoráveis como ele próprio encontrou em janeiro de 2017, assim como não tenho sombra de dúvidas que Bom Jesus do Itabapoana recebeu como brinde um personagem político de envergadura ímpar, que permanecerá colaborando com o governo Roberto Tatu, com sua testada e comprovada capacidade político/administrativo.

Ao dr. Alcemar de Mattos que foi acertadamente escolhido pelo prefeito, e que é pessoa a qual nutro enorme apreço e admiração, desejo sucesso absoluto em seu novo desafio e confiante que brilhará tanto como Pedro Renato frente a secretaria de saúde, reforçando aqui que este espaço estará sempre a sua disposição para qualquer eventualidade.

2 comentários:

  1. Que o Pedrinho alce vôos muito mais altos na política fluminense! Seria um excelente nome para deputado estadual ou federal em 2018. Cabe ao povo de Bom Jesus, Itaperuna e região dar o seu devido prestígio. #ficaadica

    ResponderExcluir
  2. Bom dia!
    Sou munícipe de Itaperuna e quero dizer que Bom Jesus teve à frente de sua secretaria de Saúde um grande cidadão e profissional.
    Parabéns, Dr. Pedro Renato. Sucesso e um Santo Natal e um excelente 2018!

    ResponderExcluir